‘Doutor Estranho’ traz magia e psicodelia na fórmula Marvel de sucesso

O último filme de super heróis do ano já está entre nós. Doutor Estranho da Marvel é a grande estreia desta semana e claro, não deixaria de ganhar uma crítica aqui no Cultura.

O longa acompanha a jornada do arrogante Stephen Strange (interpretado aqui pelo glorioso Sherlock Holmes, Benedict Cumberbatch), um neurocirurgião de sucesso, que tem sua vida mudada após um acidente de carro. A busca em curar suas mãos, gravemente feridas após o acidente, leva Stephen a um lugar misterioso em Kathmandu (Nepal) chamado de Kamar-Taj. Lá, guiado pelo (a) Ancião (Tilda Swinton), Stephen descobre um mundo de magias e dimensões paralelas, contrapondo suas ideias baseadas na ciência. O embate da ciência X o místico é um dos trunfos do filme, que aborda o tema de maneira sutil.

screen-shot-2016-04-13-at-8-59-23-am

Com a ameaça do antigo mestre Kaecilius (Mads Mikkelsen) e seus seguidores, que pretendem convocar Dormammu (um ser poderoso da Dimensão Negra que consome planetas), o inexperiente mas autodidata Stephen ajudará o Ancião e Karl Mordo (Chiwetel Ejiofor) a combater essas forças malignas.

O filme traz uma abordagem diferente ao universo cinematográfico da Marvel, que já teve filmes no espaço, filme de guerra, filme de assalto etc. Agora, é a magia que está em pauta. Com muitos efeitos especiais de primeira que lembram A Origem e muita psicodelia, Doutor Estranho porém, se difere dos demais filmes do Marvel Studios apenas pela magia. Fora isso, o longa do diretor Scott Derrickson (famoso por filmes de terror como A Entidade) segue a fórmula de sucesso da Marvel: filme leve, divertido, cheio de piadas e com bom roteiro. Levando a máxima de que “time que está ganhando não se mexe”. (PS.: os feitiços, os portais, todas as magias são do caralho!)

Marvel's DOCTOR STRANGE..Doctor Stephen Strange (Benedict Cumberbatch)..Photo Credit: Film Frame ..©2016 Marvel. All Rights Reserved.
Marvel’s DOCTOR STRANGE..Doctor Stephen Strange (Benedict Cumberbatch)..Photo Credit: Film Frame ..©2016 Marvel. All Rights Reserved.

A arrogância e o narcisismo de Stephen dão o ar da graça e lembra muito o Thor de Chris Hemsworth do primeiro filme (2011). Benedict Cumberbatch basicamente nasceu para viver o “Mago Supremo”, pois sua atuação excelente vai muito além da semelhança física com o Doutor Estranho dos quadrinhos e animações. Rachel McAdams que faz Christine Palmer, o par romântico de Stephen, entrega bons momentos dentro do filme. Tilda Swinton prova mais uma vez ser uma metamorfose ambulante, fazendo um personagem no qual pouco importa o seu gênero; a atriz britânica tem a melhor atuação do filme ao lado de Chiwetel Ejiofor, que sai da trama com um futuro promissor para seu personagem.

3099485-screenshot2016-07-23at6-45-10pm

Mads Mikkelsen atua bem fazendo o antagonista do filme, porém aqui a Marvel falha mais uma vez. Depois de Loki (Tom Hiddleston) em Thor (2011) e principalmente em Os Vingadores (2012), não surgiu nenhum outro vilão que valesse a pena ou representasse realmente uma ameaça. Já são oito filmes prometendo o Titã Louco, Thanos (Josh Brolin). Que Vingadores: Guerra Infinita (2018) ou Vingadores 4 (2019) traga esse vilão logo, porque tá foda!

gallery-1469463742-doctor-strange-kaecilius2

Tirando o vilão fraquíssimo, Doutor Estranho é um ótimo filme de origem. Pois, embora tenha referências diretas aos Vingadores e a todo o universo compartilhado Marvel, a história de Stephen Strange não se prende a isso e se desenrola por si só. O time do filme é perfeito, pois você compreende toda a história, se diverte e quando se dá conta, já terminou.

doctor-strange-photo-sanctum-sanctorum-steps

Doutor Estranho dá ainda mais respaldo ao excelente trabalho de construção do universo compartilhado da Marvel, que sob os cuidados de Kevin Feige, sabe como ninguém gerenciar e manter a qualidade na maioria de suas franquias.

PS. 1: as piadinhas com Adele, Drake, Eminem e Beyoncé são sensacionais, LOL!

PS. 2: obviamente há cena após os créditos iniciais. A cena é de extrema importância para os próximos filmes do estúdio.

PS. 3: também obviamente, há uma segunda cena pós créditos. Essa deixa, como se diz no Jornalismo, um “gancho” para o próximo filme do Doutor Estranho.

doctor-strange-poster-final

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s