‘Lady Wood’: a odisseia de sexo e eletropop de Tove Lo

tove-lo-lady-wood-cover

Dois anos após o sucesso de seu disco de estreia, Queen of the Clouds (2014), a cantora sueca Tove Lo está de volta com o Lady Wood. O segundo álbum de Tove foi lançado no final de outubro e conta com 12 músicas das quais falarei a seguir.

1. Fairy Dust (Chapter I)o álbum começa com o interlude instrumental de  Fairy Dust, que dá nome ao curta metragem que trataremos adiante.

2. Influence feat. Wiz Khalifa: Influence é típica música que você gosta logo de cara. Além de usar e abusar de batidas pulsantes de eletropop, a faixa possui uma letra bem pegajosa, que ainda conta com o rap de Wiz Khalifa. Uma ótima música para as pistas de dança.

Foto: Facebook da artista.
Foto: Facebook da artista.

3. Lady Wood: se Influence é ótima para as pistas de dança, a faixa título não fica atrás. Lady Wood é ainda mais dançante e fala sobre não se importar com o que as pessoas pensarão do seu crush, mesmo que ele/ela seja um(a) bad boy/girl.

I know what people say about you, they say the same about me. And I don’t care if it’s all true. I want you hanging with me.

4. True Disasterescolhida para ser o segundo single de trabalho do álbum, True Disaster é aquela música pra você que ama fazer papel de trouxa. Você sabe que a pessoa não vale nada e que irá partir o seu coração, mas continua insistindo nesse desastre iminente. Se identificou?

5. Cool Girldivulgada em agosto, Cool Girl, primeiro single do Lady Wood é apenas mais uma das maravilhosas faixas do álbum. Outro sucesso das pistas, a música é uma maravilhosa mistura de pop chiclete com um eletrônico a base de sintetizadores.

13886315_1412199042130337_5113708167409804114_n
Foto: Facebook da artista.

6. Vibes feat. Joe Janiak: instrumentais de violão mesclados a um eletrônico massivo com muito auto-tune, e vocais do cantor e compositor britânico Joe Janiak, dão a tonalidade de Vibes.

7. Fire Fade (Chapter II)mudando de capítulo. Fire Fade é mais um interlude instrumental, que introduz as últimas músicas do disco.

8. Don’t Talk About Itainda com batidas eletrônicas, mas um pouco mais suaves, Don’t Talk About It lembra a sonoridade de algumas músicas do Queen of the Clouds como Not On Drugs.

9. Imaginary Frienda melhor música do álbum pra mim, Imaginary Friend tem uma das letras mais fodas do disco. A canção fala em manter vivo em você um amigo imaginário, porque ele é a única forma de você continuar sonhando com um mundo perfeito, já que a realidade é uma merda na qual seu coração vive sendo partido (pesado).

Foto: Facebook da artista.
Foto: Facebook da artista.

10. Keep It Simpleuma verdadeira faixa EDM, Keep It Simple parece até ter sido produzida por Calvin Harris e David Guetta. Muitos sintetizadores e “clap your hands”, misturados à voz hipnotizante de Tove formam essa excelente canção eletrônica.

11. Flashesna mesma linha de Don’t Talk About ItFlashes dá uma acalmada nos ânimos. Tove faz nessa canção um dos melhores vocais no álbum. Você sente a revolta e indignação em sua voz cantando sobre como as coisas dão errado em um relacionamento.

12. WTF Love Is“Que porra você acha que é o amor?” é o que questiona Tove Lo na última faixa do Lady Wood: “All the cards with all the love cliches, I wouldn’t have it any other way. Shake your head, you don’t believe this. Then what the fuck do you think love is?“. É uma faixa que fecha perfeitamente o disco que fala de amor e sexo.

Não bastasse as doze faixas excelentes, Tove Lo ainda chamou o diretor sueco Tim Erem, que dirigiu os videoclipes de Work da Rihanna e Lean On do Major Lazer, para conduzir o curta metragem Fairy Dust, entrando na onda dos álbuns visuais.

Fairy Dust é uma trama sexual lésbica. Tove se envolve com uma mulher, interpretada pela atriz Lina Esco, e entre sexo, pegações e discussões, se vê em um relacionamento ruim. Surge um homem entre um acontecimento e outro, e o final do curta é no mínimo provocador com uma cena picante de Tove na cama. Tudo isso rola ao som das seis primeiras músicas do Lady Wood junto com a faixa What I Want for the Night (Bitches), que toca nos créditos.

O curta tem uma fotografia linda e coreografias bem elaboradas. Vale a pena assistir! É esperado que a parte dois, Fire Fade, seja lançada no ano que vem com as demais músicas do álbum. Vamos aguardar!

Apesar da capa de Lady Wood parecer com a capa do Like a Prayer da Madonna, o álbum de Tove Lo é uma mistura do Erotica com Ray of Light da Rainha do Pop, guardadas as devidas proporções, é claro.

Foto: Capas dos álbuns Like a Prayer e Lady Wood.
Foto: Capas dos álbuns Like a Prayer da Madonna e Lady Wood de Tove Lo.

Tove Lo mostrou uma grande evolução do primeiro para o seu segundo álbum de estúdio. Lady Wood consegue ser mais maduro e comercial que o Queen of the Clouds. Em um ano no qual o pop foi praticamente esquecido devido aos “álbuns conceituais”, Tove Lo conseguiu unir o “pop farofa” a ótimas composições e com um excelente material visual. O disco é uma verdadeira odisseia sexual com eletropop de primeira.

Lady Wood é de longe o melhor álbum pop do ano e coloca Tove Lo entre os gigantes da música mundial. Espero que a nossa Lady Wood receba o devido reconhecimento por este trabalho impecável.

Foto: Facebook da artista.
Foto: Facebook da artista.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s