Top 5 – Melhores Discos de Rock Nacional de 2016

O ano está acabando e nada mais justo do que trazer para você, querido leitor do Cultura e Ponto Final, essa série de Tops 2016.

Hoje, apresento os discos que foram minha trilha sonora durante este ano. Antes de começar, queria deixar claro que vou incluir nessa lista apenas 5 CDs que foram lançados em 2016, pra não burlar a brincadeira. Além disso, sei que é um top mas, entre esses 5, não consigo te dizer qual é o melhor, então, a ordem em que cada um está não afeta minha avaliação (sem aquele esquema de “em 1º lugar…”, ok), por isso, não vou nem numerá-los.

Então, sem mais suspense, aqui estão eles.

ROGÉRIO – SUPERCOMBO

 

capa-1

“A gente faz a felicidade perfurar a barreira da vontade…” | “Não há como fugir de mim, não dá, o corpo relaxa, a mente não, beirando a exaustão da alma” | “Esse crânio é o meu refúgio, ninguém me impede de meditar…” | “Todas nossas aflições, nossos medos, amores, opiniões, não são nada, um grão de areia” | “Ser adulto não é fácil…” | “A jornada é o que nos faz viver, quem ainda não se jogou, tá esperando o que…” | “Desde que você veio morar, minha vida é um inferno, o inferno mais bonito que se há…” | “Essa é minha rotina, desarmando o que ninguém quer ter que lidar…” | “Eu nunca vou abandonar meus sonhos….” | “A escuridão deve ser melhor que isso…” | “Eu quero subir e já chegar chegando…” | “Se você quer mudar, evoluir, reescrever todos os versos, a música move montanhas…”.

Tá aí, você vê, quando penso no Rogério, já me vem todas as 12 faixas na cabeça, sem tirar nenhuma. (Oh disco bom!) Esse é o 4º CD de estúdio da Supercombo, foi lançado em julho de 2016 e é daqueles discos que eu não canso de ouvir.

Além das maravilhosas composições (esta grande fera aí, bicho!) com o estilo característico da banda (distorções nas guitarras, baixo e batera bem demarcados, os vocais divididos entre Leo, Toledo e Carol, temáticas pesadas com uma sonoridade dançante/leve), o disco físico é uma baita sacada. Trabalhando com o lance da dualidade, que todo mundo tem um lado bom e um ruim, o disco vem com o “Olho de Rogério” para você enxergar o lado ruim que está escondido na sobreposição de imagens. (Oh disco lindo!).

Quer saber mais? Leia o post Rogério Nasceu! 

ANIMANIA – INKY

tumblr_oc5gi0bb3y1r9ykrko1_1280

Nomeado (por mim) como “disco que abriu meus horizontes musicais” do ano de 2016, Animania é o 2º CD da banda paulista Inky, que você já conferiu em uma das edições do #Conheça (veja aqui).

O disco foi gravado no Red Bull Studio SP, teve produção de Guilherme Kastrup (responsável por “A Mulher do Fim do Mundo”, de Elza Soares), e conta com 8 faixas autorais lançadas em agosto de 2016.

DEUS E O ÁTOMO – MEDULLA

medulla-deus-atomo-capa

(Posso cantar as músicas de novo?) “Não posso ver mais posso sentir, nós entre Deus e o átomo…” | “O segredo está na velocidade com que se puxa o esparadrapo, se desfaz o laço…” | “Vai, fecha a porta sem olhar pra trás…” | “A música é ponte pro outro lado” | “Sempre há e haverá, razão pra lutar…” | “É difícil de entender, no meio da dificuldade, essa força de vontade, eu vi Deus em você…”

Olha outro que não sai da minha cabeça! Ok, meu cérebro é um HD ambulante de música, confesso, mas esse disco, ah esse disco, vou dizer o que? Sou suspeita! Vai escutar pra entender do que estou falando.

Deus e o Átomo foi lançado em setembro de 2016. Com produção de Pedro Ramos (Toledo), mix e master de Leo Ramos e Fernando Martinez, o disco foi gravado no Gritaria Mix & Master e Family Mob Studios. Saiba mais no #Conheça do Medulla (aqui).

(Link abaixo com a playlist do CD)

PRAIEIRO – SELVAGENS À PROCURA DE LEI

selvagens-a-procura-de-lei-praieiro-capa

Com esse clima de verão batendo na porta, não tem como Praieiro não entrar nessa lista de Top 5 Discos. Oh sonoridade linda, daquelas que encaixa perfeitamente numa trip pro litoral, e marca uma identidade única pro Selvagens À Procura de Lei (alerta “banda que estou devendo no #Conheça).

Praieiro foi o primeiro disco daqui a ser lançado, lá em fevereiro de 2016. Com 11 faixas, o CD é o terceiro álbum da banda e teve produção angariada através de financiamento coletivo.

(Link abaixo com a playlist do CD)

AO VIVO EM BRASÍLIA – SCALENE

maxresdefault

(Ah, e você achou que o Scalene não ia estar aqui) Antes de ganhar o Grammy Latino com o disco Éter (saiba mais aqui), a banda Scalene gravou seu primeiro DVD ao vivo. Lançado em julho de 2016, o DVD Scalene Ao Vivo em Brasília rendeu o CD (olha lá, não estou roubando!) com 22 faixas que reúnem os dois discos de carreira, Real/Surreal e Éter, mais 3 faixas inéditas.

Porque o Ao Vivo em Brasília está aqui? Por que você precisa entender o que é o show desses caras, como as músicas do Scalene tomam uma proporção gigante na voz do público. Pela última, e 5ª vez, sou suspeita! Então, assista ao vídeo abaixo de “Sonhador” e escute o áudio completo do disco no Spotify.

(PS: Estou aceitando doações de fim de ano. Só não vale do Rogério, pq que já tenho ;D)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s