‘Jumanji: Próxima Fase’ cativa por humor fácil e despretensioso

Jumanji: Próxima Fase finalmente estreou nos cinemas brasileiros. Dirigido novamente por Jake Kasdan, o longa que é uma continuação direta de Jumanji: Bem-vindo à Selva de 2017, traz Spencer (Alex Wolff) consertando o jogo e retornando ao mundo fantástico de Jumanji. Com isso, Martha (Morgan Turner), Fridge (Ser’Darius Blain) e Bethany (Madison Iseman) precisam dar um jeito de resgatar o amigo. O problema é que o avô de Spencer, Eddie (Danny DeVito), e o amigo dele Milo (Danny Glover), acabam entrando no jogo e assumindo os personagens.

Imagem: Fox Force Five News

A dinâmica do filme é praticamente a mesma do longa anterior. Os jogadores precisam recuperar uma joia que está com o vilão Jurgen, o Brutal (Rory McCann), para salvar Jumanji. A principal mudança em si é em relação a quem assume os jogadores. O Dr. Smolder Bravestone (Dwayne Johnson) fica sob o comando do vovô Eddie, Mouse Finbar (Kevin Hart) fica com Milo e o Dr. Shelly Oberon (Jack Black) com Fridge. E é justamente nessa mudança que está o trunfo de Jumanji: Próxima Fase.

Os personagens de Dwayne Johnson, Kevin Hart e Jack Black estão ainda melhores e mais divertidos. A dinâmica entre eles, principalmente de Bravestone e Mouse (por conta do conflito entre Eddie e Milo), tornam cada cena um grande momento, seja de drama ou de humor. Martha assume a personagem Ruby Rundhouse (Karen Gillan) novamente e na caçada pela joia e Spencer, acaba assumindo a ‘liderança’ do grupo junto com Fridge. Dos novos personagens, além de Eddie e Milo, Ming (Awkwafina) também traz bons momentos.

Imagem: Medium

Apesar de ser clichê e sem muita surpresa, o roteiro do novo filme funciona como um todo. Entrega tudo o que precisa entregar e eleva o tom aventuresco e humorístico da trama. Aliás, o humor ocorre a todo o momento e não soa como algo forçado. Muito pelo contrário, as piadas estão no time perfeito e acontecem naturalmente. As cenas de ação estão ainda melhores, principalmente as do deserto e dos macacos (mostrada nos trailers). Efeitos visuais e fotografia estão bons e bem executados, embora não sejam algo que você dê tanta atenção, já que há alguma cena de ação ou piada acontecendo em todo o instante.

Jumanji: Próxima Fase conquista pela simplicidade e principalmente pelo humor. É um filme leve, cheio de aventura e despretensioso, que só quer tirar boas risadas do telespectador. Além disso, o elenco está ainda mais entrosado e os personagens, carismáticos. O longa ainda deixa um gancho para um terceiro filme, que deve fazer referência direta ao original de 1995 estrelado por Robin Williams e Kirsten Dunst. Jumanji: Próxima Fase consegue ser tão bom quanto Bem-vindo à Selva (2017) e nos deixa com gostinho de quero mais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s